donadoni lab

Roberto Donadoni parece mesmo convicto a não ter convicções nessa Eurocopa e continuar seu laboratório em plena competição. Porque, segundo especula a imprensa italiana, o time deve mudar de novo para enfrentar os franceses. Jogadores sacados da segunda partida podem voltar; outros como Pirlo podem perder vaga; e terceiros, como Cassano, podem entrar pela primeira vez como titulares.

Uma escalação bem especulada, agora, é a seguinte:

Buffon, Zambrotta, Panucci, Chiellini e Grosso; Gattuso, De Rossi e Ambrosini; Cassano, Toni e Di Natale.

Não vou julgar, pelo menos até que o time seja confirmado (até o fim do dia devemos ter novidades).

Mas vou julgar, isso sim, o espírito correto com que o técnico da França, o chato do Domenech, tem encarado o jogo: “Já estamos praticamente fora da Euro. Mas mesmo assim precisamos deixar o torneio de cabeça alta, com uma vitória sobre a Itália”. Domenech, no fim das contas, quer atribuir um espírito de revanche da final da Copa para estimular seus jogadores.

Perfeito. É a melhor tática para fazer com que seus jogadores se esqueçam que, para se classificar, a Romênia não pode derrotar a Holanda. Até porque, embora Nistelrooy garanta que “a Holanda vai ganhar”, não é tão fácil acreditar nisso com o time holandês que entrará em campo recheado de reservas — o próprio Nistelrooy, que garante vitória, não poderá fazer muito por isso no banco…

Anúncios

Sobre Gian Oddi

Jornalista, é hoje comentarista dos canais de televisão ESPN e ESPN Brasil. Trabalhou por sete anos como editor da revista e do site de Placar. Em duas passagens pelo portal iG, onde esteve por mais de cinco anos, foi editor de esportes e editor-executivo de esportes, ciência e tecnologia. Morou por um ano em Roma, produzindo matérias para a Placar e outras publicações da Editora Abril. Do Brasil, foi colaborador do diário espanhol Marca. Editou por seis anos o blog A Bola na Bota, sobre futebol italiano.
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , . Guardar link permanente.

6 respostas para donadoni lab

  1. riccardo disse:

    oi, gian… agora a gazzetta está divulgando o seuinte time: ITALIA (4-3-1-2): 1 Buffon; 19 Zambrotta, 2 Panucci, 4 Chiellini, 3 Grosso; 8 Gattuso, 10 De Rossi, 21 Pirlo; 20 Perrotta; 9 Toni, 18 Cassano…

  2. juventino disse:

    tirar o del piero de novo é inacreditável

  3. Renan Rodrigues disse:

    Pouco importa o time que irá a campo. Pode ser A, B ou C. Fato é que a falta de avaliação e preparo de Donadoni já virou piada. Se criticam tanto Dunga no Brasil, na Itália a Federação não deixou por menos e fez besteira igual ou maior. A Itália pode até vencer, se classificar na bacia das almas e ser campeã (algo que pra ser sincero duvido muito). O que não pode acontecer é creditar isso ao seu treinador.

  4. Travis disse:

    o inaceitável é que o infeliz tenta, tenta, inventa, muda e não dá oportunidade ao Aquilani, valha-me Deus.

  5. Pratinha disse:

    Gi, hoje tive insônia só de pensar no jogo. E o pior que fui dormir encanada, achando que a preocupação de ter insônia ia me gerar uma insônia. Quando acordei, minha mãe perguntou: Que olheiras são essas, não dormiu, menina? Eu disse: Dormi sim, mas sonhei que tive insônia. bjs Lili

  6. Emerson disse:

    – É…deu pra brincar. Um técnico que não escala o Mater…como é mesmo o nome dele?…merece respeito, gratidão e crédito. Ou será que o grandalhão está com medo de outra cabeçada?
    Mas aqui pra nós…que futebol feio este da Itália heim? Sei que futebol bonito nem sempre ganha jogo mas…nada como o futebol arte que além de tudo é campeão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s